INGLÊS PARA VIAGEM





 Vou viajar! Vale a pena fazer um cursinho rápido de inglês para viagem?

Se você já conhece o idioma um pouquinho, pode ser... mas se não fala absolutamente nada, nem tanto. 

Já lecionei inglês para viagem em cursos, e confesso que não dava muito certo. Os alunos me chegavam totalmente crus, e queriam aprender em pouquíssimo tempo. Coisa de um a três meses. Muitos sequer tinham alguma habilidade natural para línguas! 

Estes cursos ensinam aos alunos frases feitas usadas em contextos como restaurantes, aeroportos, hotéis e ruas. Por exemplo: como pedir informações se estiver perdido, como fazer o check-in no hotel, fazer compras em uma loja ou fazer o pedido em um restaurante. O problema com estas frases feitas, é que, mesmo que você consiga memorizá-las e aprender seus significados, as respostas podem variar tanto que, se você não entende absolutamente nada de inglês, com certeza também não entenderá as respostas!

Você aprende a dizer, por exemplo: “Please, can you tell me how to get to the station?” (Por favor, pode dizer-me como chegar à estação?). As respostas que você receberá do seu interlocutor podem variar imensamente – sem contar com a desvantagem do sotaque nativo, muitas vezes difícil de entender, e a velocidade natural da fala de quem responde. As respostas a esta simples pergunta – “Can you tell me how to get to the station? – incluirão palavras e frases as quais você não está habituado, e nenhum curso rápido de inglês para viagens poderá prever todas elas. Mesmo que pudessem, como você faria para memorizá-las todas?

Portanto, se você estiver planejando uma viagem para fora do país, organize-se de modo a dedicar-se durante pelo menos, um ano a um ano e seis meses ao estudo da língua inglesa. Assim, você terá um vocabulário razoável e poderá interagir com as pessoas nativas sem grandes problemas.

Mas se a viagem for daqui a poucos dias ou meses, a melhor coisa a fazer é memorizar frases simples - como pedir um copo d'água, perguntar pelo toalete, agradecer, dizer seu nome e apresentar-se, por exemplo. Também pode ser útil saber os nomes de coisas que você deseja comprar durante a viagem, como peças de roupas, eletrônicos, sapatos, etc. Para tal, um aplicativo como os que você acha facilmente na internet será suficiente. Ele não vai ensinar você a falar inglês, mas vai, pelo menos, dar-lhe uma noção básica de frases simples e corriqueiras. Com a vantagem de que ele estará no seu smartphone, e você poderá levá-lo com você aonde for. 

Lembre-se: quando estiver em um país estrangeiro, leve sempre algum dinheiro no bolso e o endereço do seu hotel escrito em um pedaço de papel. Caso se perca, entre em um táxi e entregue o papel ao motorista, dizendo: "Take me to this address, please!" 


Comentários